Tools

You are here: Home
Terça, 19 Mar 2019

Em 2019, decisões da Fifa podem mudar o futuro do futebol mundial

O ano de 2019 pode entrar para a história como o que mudou para sempre o futebol mundial. A partir das próximas semanas, a Fifa, clubes, patrocinadores e federações, um batalhão de lobistas, advogados e investidores multibilionários tomarão decisões que determinarão o futuro da modalidade e, para observadores, a organização do futebol como se conhece hoje pode desaparecer para sempre. Para o atual presidente da Fifa, Gianni Infantino, há algo mais em jogo que a estrutura do futebol mundial: sua própria reeleição.

No centro do debate está a proposta de vender a Copa do Mundo para investigadores privados, liderados por um consórcio obscuro que propôs um retorno para os dirigentes de US$ 25 bilhões (aproximadamente R$ 93 bilhões), cinco vezes a receita atual do Mundial. O plano prevê abrir o monopólio hoje mantido pela Fifa para abrir a Copa para fundos de investimentos, com 50% das ações não mãos de bancos e outras entidades. A suspeita é de que o projeto conte, acima de tudo, com recursos do fundo soberano saudita. Apenas em 2018, Infantino se reuniu três vezes com a realeza do país árabe.

Diante da resistência de dirigentes europeus à possibilidade de um controle saudita no futebol, Infantino foi obrigado a dar garantias de que o dinheiro não viria do fundo de Riad e adiou o debate sobre sua aprovação.

Ainda assim, cartolas mantêm a suspeita de que as várias camadas de investidores apresentados estejam servindo para camuflar a verdadeira origem dos recursos sauditas. A decisão ocorre em um momento em que o príncipe herdeiro saudita, Mohamed Bin Salman, tem sua imagem no exterior duramente afetada por conta da morte de um jornalista crítico ao regime.

Além da Copa do Mundo, o pacote marcado pela pouca transparência incluiria a criação de um Mundial de Clubes a cada quatro anos, substituindo ao atual modelo falido do torneio no final de cada ano e substituindo a Copa das Confederações.

Fontes na Uefa confirmaram ao Estado que existe uma coincidência de interesses: clubes se recusam a aceitar o projeto de um Mundial a cada quatro anos, sem uma clara garantia financeira. Já a Uefa vê a aliança com os clubes como uma manobra para derrubar projetos de Infantino e, assim, o enfraquecer.

Infantino voltou a pressionar o Catar para ampliar o Mundial de 2022 de 36 para 48 seleções. A mudança já está garantida para 2026. Mas não o daria os votos necessários para 2019.

Ali, o desafio vai muito além das quatro linhas. Menor sede da história das Copas, o Catar precisaria ampliar o Mundial para outros países para que o projeto seja viável. O problema é que o minúsculo país do Oriente Médio vive um embargo por parte de seus vizinhos, que o acusam de financiar o terrorismo e tentar desestabilizar a região.

Nesta semana, falado em um evento em Dubai, Infantino afirmou que a possibilidade de levar o Mundial para outros países árabes estava sendo debatida. "Se podemos aumentar a Copa para 48 seleções e fazer o mundo mais feliz, deveríamos tentar", disse. Se o projeto incluindo sauditas e os governos dos Emirados Árabes Unidas e Bahrein não for consolidado, não se exclui levar algumas das partidas para Omã, Irã ou Turquia.

Em duas semanas, a Fifa começará a tomar decisões. Uma reunião no Marrocos tem como objetivo apresentar desenho inicial do que seria um acordo. Já em março, num encontro planeado para ocorrer nos Estados Unidos, a Fifa espera bater o martelo sobre o que será o futuro do futebol.

Mas um dos dirigentes convocados para o encontro confirmou à reportagem que não prevê uma decisão fácil. "O que está em jogo é o futuro do esporte mais popular do planeta."

Tribuna da Bahia, Salvador.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

MATÉRIAS EM VÍDEOS REPORTERBAHIA.COM

Na Venezuela, venda de carne podre e cadáveres que explodem por falta de eletricidade em necrotérios A carne está apodrecendo por causa de problemas na infraestrutura da Venezuela. Os cortes de energia constantes são alvo de manifestações frequentes. Nem aqueles que morrem escapam da crise. Necrotérios têm dificuldade para manter os corpos refrigerados. BBC News Brasil Publicado em 16 de out de 2018. Vídeo do rompimento da barragem de Brumadinho é divulgado; veja Novo vídeo mostra momento exato de rompimento de barragem em Brumadinho Um vídeo divulgado nesta sexta-feira (1º) pela TV Globo mostra o momento exato do rompimento da baragem em Brumadinho, Minas Gerais, no último dia 25. A tragédia deixou 110 mortos, até a última lista divulgada pelas autoridades mineiras. Ainda há 238 desaparecidos. As imagens são do circuito interno e mostram o horário de 12h28. É possível ver uma espécie de "implosão", com o chão desaparecendo rapidamente. Da Redação - redacao@correio24horas.com.br - Vídeo: Rádio BandNews FM/Reprodução: Metro 1.

Matéria Especial RepórterBahia.Com

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais atualizou para 169 o número de mortes em decorrência do rompimento de uma barragem da mineradora Vale em Brumadinho. Mais cedo, a corporação informou que dois corpos foram retirados da lama de rejeitos nos últimos dois dias. Fragmentos de corpos também foram localizados pelas equipes nas últimas horas.

Fonte: Agência Brasil.

Bandeira de Capim Grosso

Repórter Bahia, a notícia com responsabilidade!

Nessa nova fase vamos nos dedicar ainda mais e da melhor forma possível somar na sua vida com informações de todas as áreas da vida, mas pautada na ética, na verdade, no compromisso com Deus, com a vida e com as pessoas.

A todos que nos acompanham através do rádio e da internet mais uma vez o nosso muito obrigado pela amizade e confiança, obrigado por tudo e que nessa nova fase da nossa vida profissional possamos nos aproximar ainda mais e juntos construirmos um jornalismo forte, independente, um jornalismo pra fazer a diferença.

REPÓRTER BAHIA.COM, a nova marca do jornalismo da nossa Bahia, está no ar. Sejam todos bem vindos!

O que aconteceu com o Blog do Arnaldo Silva?

Gostaria de informar ainda que estamos através de Valter Oliveira que é o nosso grande parceiro administrativamente trabalhando para restaurar o blog que será utilizado nessa nova fase do nosso trabalho como link de acesso a nova marca do jornalismo da Bahia, REPÓRTERBAHIA, no ar desde essa quarta-feira, 21 de Dezembro de 2016.
Entendo que mudanças como essas vão precisar de tempo para alcançar o mesmo patamar de acessos e assiduidade dos nossos leitores, mas não estamos sozinhos, temos Deus nos comando e a parceria de muitos amigos e leitores conquistados nesses sete anos de blog, nesses sete anos de muito trabalho e dedicação ao jornalismo, a nossa grande paixão na comunicação.


http://www.seo.mavi1.org http://www.mavi1.org http://www.siyamiozkan.com.tr http://www.mavideniz1.org http://www.mavideniz.gen.tr http://www.17search17.com http://www.siyamiozkan.com http://www.vergi.gen.tr http://www.prsorgu.org http://www.seoisko.net http://www.seoisko.org http://www.ukashhizmet.com http://www.ukashmavi.com http://www.sirabulucu.net http://www.kanuntr.com http://www.kanuntr.org http://www.kanuntr.net http://www.kananlartr.com http://www.kananlartr.org http://www.kananlartr.net http://www.haberbul.org http://www.iskoseo.com http://www.iskoseo.net http://www.iskoseo.org http://www.siyamiozkan.net