You are here: Home » BAHIA » Leishmaniose: cidade registra 1.355 casos em 2017
Sexta, 19 Jan 2018

******

*

Leishmaniose: cidade registra 1.355 casos em 2017


A campeã olímpica Maurren Maggi foi diagnosticada com leishmaniose. Ela  contraiu a doença durante a participação em um reality show da Band, gravado na República Dominicana. A leishmaniose é uma zoonose e cerca de 90% dos casos registrados na América Latina ocorrem no Brasil, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Na Bahia, de acordo com a Vigilância Epidemiológica estadual, o maior número de notificações da doença em 2017 foi registrado na região sul do estado. Ao todo, 1.355 pessoas foram infectadas, em sua maioria homens, de 20 a 30 anos de idade.

Rosani Carvalho, técnica da vigilância, explica que a doença é causada por um protozoário e transmitida pela picada do mosquito flebótomo, conhecido popularmente como mosquito-palha. O protozoário geralmente utiliza o corpo de animais, como raposas e sariguês para se hospedar.

Conforme a especialista, há dois tipos de leishmaniose: a cutânea e a visceral. Cada uma apresenta sintomas diferentes. A cutânea provoca feridas na pele e nas mucosas das vias aéreas superiores. Pode causar dor ou incômodo no local.

“É uma doença causada por um protozoário e ele vai exatamente alterando o tecido ali naquela região e formando aquela ulceração, que vai sempre aumentando e corroendo, formando uma ferida cada vez maior. Ela só vai cicatrizar com o tratamento”, disse Rosani Carvalho.

Já a leishmaniose  visceral, também conhecida como febre dundun, caracteriza-se pela perda de peso, febre de longa duração, fraqueza, aumento do baço e anemia profunda.  Esse é o tipo mais perigoso da doença. Pode levar a óbito se não for tratada.

Mortalidade

Ainda conforme Vigilância Epidemiológica da Bahia, somente no ano passado foram registrados 217 casos de leishmaniose visceral. Desses, 6% morreram por conta da doença.  O norte do estado, próximo a Irecê, foi o mais acometido por esta variação da patologia. As maiores vítimas foram crianças de 1 a 9 anos de idade.

Na opinião de Carvalho,  a mortalidade infantil pode estar relacionada com o sistema imunológico das crianças, que por não estar completamente desenvolvido facilita o avanço da doença.

Rosani Carvalho explica que o diagnóstico é efeito a partir de exames clínicos e laboratoriais. Contudo, o médico analisa, primeiramente, o quadro epidemiológico da localidade, ou seja, se a região na qual a pessoa esteve há registros da doença.

O tratamento é à base de medicamentos que visam combater o protozoário. Quando mais cedo a doença for detectada, maiores as chances de cura.

Tribuna da Bahia, Salvador/Por Jordânia Freitas.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

MATÉRIAS EM VÍDEOS REPORTERBAHIA.COM

Video: Ministério Público do Estado da Bahia. Vídeo: Ministério Público do Estado da Bahia. Vídeo: Ministério Público da Bahia.

Bandeira de Capim Grosso

Matéria Especial RepórterBahia.Com

TSE aprova 10 resoluções sobre regras das Eleições Gerais de 2018

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, na sessão extraordinária administrativa desta segunda-feira (18), dez resoluções sobre as regras das Eleições Gerais de 2018. Os temas das resoluções aprovadas são os seguintes: calendário eleitoral das Eleições de 2018;  atos preparatórios para a eleição; auditoria e fiscalização para as eleições; cronograma operacional do cadastro eleitoral para as eleições; pesquisas eleitorais; escolha e registro de candidatos; propaganda eleitoral, uso e geração do horário gratuito e condutas ilícitas em campanha eleitoral; representações, reclamações e pedidos de direito de resposta; arrecadação e gastos de recursos por partidos políticos e candidatos e prestação de contas; e modelos de lacres de segurança para urnas e envelopes.

As resoluções aprovadas pelo TSE regulamentam as regras da legislação em vigor e servem de balizas que os candidatos devem respeitar para não  incorrerem em sanções de ordem eleitoral.

Clique na foto e confira matéria completa.

Repórter Bahia, a notícia com responsabilidade!

Nessa nova fase vamos nos dedicar ainda mais e da melhor forma possível somar na sua vida com informações de todas as áreas da vida, mas pautada na ética, na verdade, no compromisso com Deus, com a vida e com as pessoas.

A todos que nos acompanham através do rádio e da internet mais uma vez o nosso muito obrigado pela amizade e confiança, obrigado por tudo e que nessa nova fase da nossa vida profissional possamos nos aproximar ainda mais e juntos construirmos um jornalismo forte, independente, um jornalismo pra fazer a diferença.

REPÓRTER BAHIA.COM, a nova marca do jornalismo da nossa Bahia, está no ar. Sejam todos bem vindos!

O que aconteceu com o Blog do Arnaldo Silva?

Gostaria de informar ainda que estamos através de Valter Oliveira que é o nosso grande parceiro administrativamente trabalhando para restaurar o blog que será utilizado nessa nova fase do nosso trabalho como link de acesso a nova marca do jornalismo da Bahia, REPÓRTERBAHIA, no ar desde essa quarta-feira, 21 de Dezembro de 2016.
Entendo que mudanças como essas vão precisar de tempo para alcançar o mesmo patamar de acessos e assiduidade dos nossos leitores, mas não estamos sozinhos, temos Deus nos comando e a parceria de muitos amigos e leitores conquistados nesses sete anos de blog, nesses sete anos de muito trabalho e dedicação ao jornalismo, a nossa grande paixão na comunicação.

http://www.seo.mavi1.org http://www.mavi1.org http://www.siyamiozkan.com.tr http://www.mavideniz1.org http://www.mavideniz.gen.tr http://www.17search17.com http://www.siyamiozkan.com http://www.vergi.gen.tr http://www.prsorgu.org http://www.seoisko.net http://www.seoisko.org http://www.ukashhizmet.com http://www.ukashmavi.com http://www.sirabulucu.net http://www.kanuntr.com http://www.kanuntr.org http://www.kanuntr.net http://www.kananlartr.com http://www.kananlartr.org http://www.kananlartr.net http://www.haberbul.org http://www.iskoseo.com http://www.iskoseo.net http://www.iskoseo.org http://www.siyamiozkan.net